Site Meter




.



in pressões ] vi gésima-se gunda









impressionou-me sim ouvir-te

impressionou-me a voz desconhecida

a expressão despida

o anjo cansado que te acompanhava

a urgência exigente da guitarra

impressionou-me

a beleza cruel do saxofone

o anel no dedo sem significado

impressionou-me

a voz cava e unifónica dos animais

o burro de orelhas o muro a lagosta

e o outro... era uma ave?

] um fóssil... inidentificado?

impressionou-me

o homem gordo a rebolar escada abaixo

no seu fato branco de metal

] ancorado por fim às minhas pernas de barro

[ o legume era uma beringela abe rta no cartaz!?

ulisses e o fantasma do minuto de comboio

[ o coração fechado do cartaz...? e

os teus olhos entrementes-pálidos-entretanto-suados

] - Johnnn n n, Call Da Trainn n n !!

mas o que me impressionou mesmo ] e mais e mais

foi que me procurasses

[ que batesses à porta do teu calendário

para me confirmares que não-estava





.

4 comentários:

Justine disse...

Impressionada estou eu (como sempre quando te leio) com este texto prenhe de possibilidades metafóricas!

um Ar de disse...

e...
mesmo assim
tu foste.
para te
confirmares
presente
sem lá estares?
...
ou
apenas
imaginaste?
...
.
[Beijo...@]

entre dentes disse...

Cem mais...

pi&phi disse...

Eu também fico impresionado.

Arquivo do blogue



ROSASIVENTOS
DMCA.com