Site Meter

quem de entre os bichos trocará o passado de enganos com futuro
uma tentação natural para o engano
para o destino errado
para a procura mas para o erro acertado
alimentar a confusão imaginando-a voadora
e crescerem penas coloridas como convicções
e poemas floridos e melodias entoáveis que de vez em quando
de vez em quando
distraidamente
confundam a perturbação de todas as verdades do destino errado
a suspensão da espécie
o gesto parado do saxofonista
o silêncio entre os namorados

5 comentários:

laura disse...

engraçado ler isto hoje. estas palavras que falam de futuro, de convicções, de destino.
e ler e voltar a ler e voltar a ler.
Às vezes acontece-me isso, quando gosto muito do que leio...

triliti star disse...

quem ?

Dalaila disse...

sempre palavras que nos tocam

Maria Laura disse...

Nascemos para o erro acertado. Acho eu. :)

Stella Nijinsky disse...

Oi R&V

Este teu blogue sempre ventoso, por vezes em tempestade, às vezes vento parado mas árvores caídas na breve bonança.

Este post, uma míríade de coisas que estão presentes na nossa vida incerta, cheia de erros e de enganos, e de cumplicidades onde impera a vontade.

Beijo e obrigada pelas tuas visitas.

Stella

Arquivo do blogue



ROSASIVENTOS
DMCA.com